Terça-feira, 20 de Março de 2007

Sentidos felinos

Ao contrário do cão, que só conta com o nariz muito desenvolvido; o gato aplica os seus sentidos todos, porque todos eles são extremamente desenvolvidos.

Olhos - o gato não tem a necessidade de pestanejar, porque possui uma membrana (membrana nictitante), que mantem os olhos húmidos.
Os gatos conseguem ver tudo á frente e ao lado dos olhos, reconhecem o tamanho, a forma e a distância exacta dos objectos. Os gatos conseguem ver um objecto da mesma maneira, quer esteja a 2 ou a 6 metros, devido a uma espécie de "zoom" que conseguem aplicar. No entanto, não tem uma distinção de cores apurada. Só distinguem o preto, o branco, o azul, o verde, e misturam o amarelo com o vermelho.
Mas os gatos tem outra capacidade: a sensibilidade dos olhos permite a um gato ver perfeitamente um objecto a 10 metros na escuridão total, como se fosse de dia. É a dupla reflexão que faz com que os olhos dos gatos brilhem tanto na presença de luz, mesmo que seja pouca.

Cheirar - 200 milhões de células na garganta dos gatos permitem-lhes cheirar tudo. No palato, possuem um orgão especial para cheirar: o orgão de Jacobson.

Paladar - o gato distingue o sabor dos alimentos através de nervos que possuem na lingua. No entanto, só come o que cheira bem, e não o que tem um bom sabor.

Ouvidos - as orelhas são muito sensíveis a vibrações. Entre 20 hertz e 65 quilohertz, nada escapa ao gato! A mobilidade das orelhas permitem-lhes localizar com exactidão a proveniência de determinado som. O gato detecta ratos porque os ratos emitem ultrasons entre si, ultrasons esses que os gatos conseguem captar. Através dos sons, os gatos orientam-se. É graças aos sons familiares ou conhecidos e á sua memória imaginativa que os gatos conseguem re-encontrar os seus lares. Para este facto, utiliza també os cheiros conhecidos e as imagens que grava do que os olhos vêm.

Tacto e o 6º sentido - O gato possui por entre o pêlo os chamados pêlos tacteis, que não se situam só no bigode. E é nestes pêlos tacteis que provavelmente está a explicação para o facto de os gatos pressentirem tremores de terra, explosões vulcãnicas, etc..., porque os pêlos tacteis dos gatos notam a pressão do ambiente e alterações de temperatura. Este é, portanto, o misterioso sexto sentido do gato.
Estes pêlos tacteis situam-se á volta dos lábios e dos olhos.

Bibliografia - Gatos - companheiros de patas de veludo


publicado por ne.jr às 16:46
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Animal não é um brinquedo...

. Dicas para que os animais...

. Este gato vai dar que fal...

. vejam...

. Como apresentar um cão a ...

. 10 Sinais que os Gatos fa...

. Criancinhas

. Curiosidades sobre gatos

. Factos e mitos acerca dos...

. Agressão felina

.arquivos

. Novembro 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds